Vida noturna em Madrid: discotecas no centro da cidade

discotecas em madrid para a tua viagem

Além de ser aqui ao lado, Madrid é uma das capitais europeias mais agitadas quando o assunto é vida noturna. Se durante o dia existem inúmeros pontos de interesse a visitar, à noite o cenário não se modifica. Em vez de serem monumentos as estrelas da companhia, são as inúmeras discotecas localizadas no centro da capital.

Caso estejas a planear visitar a capital de nuestros hermanos, não podes perder o itinerário dos principais pontos da cidade e, agora, das discotecas que não podes perder de vista para desfrutar de “una noche caliente” à boa moda madrilena.

Antes de destacar as principais discotecas da capital, nada melhor do que saber quais são as principais zonas de diversão noturna em Madrid.

Zonas de diversão em madrid

  • Huertas: esta é a zona mais popular da noite madrilena. Tal se deve ao facto de ser frequentada por turistas e estudantes estrangeiros;
  • Malasaña: localizada no coração da cidade, esta zona foi o centro da chamada “Movida Madrileña”, que teve lugar entre os anos 70 e 80. Caracteriza-se por ser uma zona de ambiente alternativo e boémio;
  • Chueca: apesar de ser um pequeno bairro, é sem dúvida muito cosmopolita e divertido. Os grandes acontecimentos tomam lugar na Plaza de Chueca, onde é possível beber um copo ao ar livre nas noites mais quentes;
  • Avenida de Brasil: esta zona fica nas imediações do estádio Santiago Bernabéu, onde se encontram alguns dos bares e discotecas mais caros de Madrid;
  • Argüelles-Moncloa: por estar próxima de muitas residências universitárias, esta é a zona predileta de muitos estudantes para se divertirem à noite.

Discotecas a não perder em Madrid

Agora que tens uma pequena noção das zonas mais agitadas da cidade, está na altura de escolheres as discotecas a visitar durante a tua estadia em Madrid. Precisas de ajuda? Nós damos-te algumas sugestões abaixo.

Kapital - A famosa Discoteca de Madrid

kapital discoteca madrid

Outrora um teatro, esta é a discoteca mais badalada da capital espanhola. Conta com sete andares, todos eles com diferentes ambientes. Na cereja no topo do bolo, isto é, no rooftop, existe uma excelente oportunidade de desfrutar de vistas excelentes e das noites mais quentes

Se estás perto do aeroporto, e queres ir para o centro da cidade, vê o link abaixo: 

Joy Eslava - Disco

Joy Eslava - Disco

Inaugurada em 1981, esta discoteca costuma ser eleita por muitas celebridades para desfrutarem de bons momentos de diversão noturna. 

Barco - Festas Alternativas

Situada na zona de Malasaña, as filas nesta discoteca chegam a ser longas durante os fins de semana. Porquê? Porque o seu estilo diferente atrai muitos madrilenos (e não só!). Além disso, costumam existir muitos espetáculos ao vivo de diferentes estilos: desde indie rock a blues, existem opções para todos os estilos musicais, sem esquecer, claro, do flamenco.

Zoe Inusual Club

Zoe - Inusual madrid

Situada na zona de Malasaña, as filas nesta discoteca chegam a ser longas durante os fins de semana. Porquê? Porque o seu estilo diferente atrai muitos madrilenos (e não só!). Além disso, costumam existir muitos espetáculos ao vivo de diferentes estilos: desde indie rock a blues, existem opções para todos os estilos musicais, sem esquecer, claro, do flamenco.

Siroco

Siroco discoteca madrid

Esta é uma boa alternativa às típicas discotecas, pois aqui existem músicas e atuações ao vivo. O público que geralmente frequenta este espaço é jovem, desfrutando de atuações de vários DJs pela noite fora. Durante o fim-de-semana, este espaço oferece dois ambientes distintos: um mais descontraído na parte superior e outro mais frenético e enérgico na parte inferior.

Seja como for, as cartas já estão em cima da mesa, isto é, já tens em tua posse todos os dados que precisas: desde as melhores zonas para te divertires até a sugestões de algumas discotecas. Agora está nas tuas mãos: nada melhor do que visitar a zona ou espaço que mais te agradou e, com os teus próprios olhos, comprovares o que aqui foi dito. Mas não te esqueças de partilhar a tua experiência nos comentários abaixo!

 

New Garamond

New Garamond madrid vida noturna
Fonte: app.discotech

Situada perto da Plaza Castilla, esta é uma das discotecas mais famosas e frequentadas de
Madrid. O público que a frequenta é seleto e situa-se na casa dos 25 anos. Deves verificar as noites com atenção. 

Aqui podes encontrar um roteiro para 3 dias em madrid.

BarCo - Madrid

Aqui o BarCo, oferece diariamente concertos musicais ao vivo de diferentes géneros. A acústica de cada espectáculo recolhe elogios de quem por lá passa. O espaço tem uma colaboração com a Escuela de Música Creativa. Aos fins-de-semana e vésperas de feriados, transforma-se em clubbing, contando com a participação de DJ’s após os concertos. O consumo é obrigatório para entrar no bar. No fundo é mais um espaço para ter umas boa opção no que toca à vida noturna de Madrid. 

Wild Thing - Pop rock na vida noturna

Este é um ponto de referência na cena indie madrilena. Conta com uma seleção eclética de pop-rock que vai desde os grandes êxitos à atualidade. As paredes deste templo da cultura indie estão forradas composters de diversas estrelas da música alternativa.

O auge dá-se à 0h30, quando o público heterogéneo começa a vibrar com o ritmo do espaço. Quanto ao preço das bebidas, ronda os 6€. Seja como for, as cartas já estão em cima da mesa, isto é, já tens em tua posse todos os dados que precisas: desde as melhores zonas para te divertires até a sugestões de algumas discotecas. Agora está nas tuas mãos: nada melhor do que visitar a zona ou espaço que mais te agradou e, com os teus próprios olhos, comprovares o que aqui foi dito. Mas não te esqueças de partilhar a tua experiência nos comentários abaixo!

Noite espanhola / vida noturna: horários, ajuda e preços em madrid

vida noturna madrid
Todos sabem que a tarde em Espanha começa por volta das 16h, depois da sesta, e prolonga-se muito depois do sol se pôr. Por esse mesmo motivo, é de esperar que a noite só comece a “aquecer” mais tarde. Por volta das 23h, os espanhóis começam a sair de casa para irem até aos bares comerem tapas e visitarem alguns bares e locais noturnos. Em Madrid, os bares e pubs fecham por volta das 2h30 à semana (3h30 aos fins de semana), enquanto as discotecas abrem à 0h00 e fecham por volta das 6h-7h da manhã. Para muitos jovens madrilenos, a festa continua das 6h às 9h, ao frequentarem as chamadas “after hour” em locais ilegais (porque não estão autorizados a estender o seu horário de funcionamento até essa hora). Quanto a preços, eles variam de espaço para espaço, contudo, a média ronda os 15 euros com bebida incluída. Para tentar reduzir este custo, podes sempre tentar entrar antes da 0h00, dado que muitos espaços têm preços especiais para quem chegar antes desta hora. Em espaços mais pequenos, consegues encontrar preços de entrada que rondam os 5 euros, é uma questão de procurares com antecedência. É possível entrar em festas espanholas a custo zero? Bom, aqui chega uma grande descoberta. Se consideras os preços de entrada absurdamente caros, deve-te ter passado pela cabeça que o “ideal era ser a custo zero”. O melhor é que esse desejo pode não ser muito difícil de se realizar. Especialistas da noite espanhola, nomeadamente bloggers madrilenos, revelaram como é possível entrar em alguns dos melhores espaços de Madrid a custo zero. Como? Através do Madrid Lux. Lá encontras todas as festas divididas por dias, com todas as informações que necessitas: local, como chegar até lá, horário, estilo musical, idade para entrar e o tipo de vestuário a usar. Seleccionando a festa que queres, podes ver mais detalhes sobre as condições de acesso (se pagas alguma coisa, se tens algum desconto especial, etc). Caso te agrade, podes inscrever o teu nome na lista da festa ou seguir os passos para que possas entrar através de uma Lista VIP. Neste site podes ainda reservar um espaço VIP.