Pratos típicos do porto

pratos tipicos do porto

Seja por curiosidade ou por teres decidido visitar a cidade, convém saber quais são os pratos típicos do Porto. Porquê? Porque além de explorar a cidade, seja com um roteiro de 2 dias do porto ou mais, mereces conhecer a gastronomia local, uma das mais apreciadas do país.

Apesar de já conheceres alguns dos pratos, como é o caso da Francesinha e das Tripas à Moda do Porto, existem outros que, certamente, desconheces. Sim, e podes contar com uns belos doces – quem é que resiste comê-los acompanhados de um bom vinho do Porto?

Continua a ler o artigo para saberes quais são os 6 pratos típicos do Porto que não podes perder!

Pratos tipicos da cidade invicta, Porto

tripas a moda do porto
fonte: svsc

Inauguramos esta lista com o prato que não deixa margem para dúvidas: as Tripas à Moda do Porto! Como já referimos anteriormente, este é o prato que está na origem do apelido os habitantes da cidade: tripeiros.

A versão mais conhecida da história da conta de que quando o povo partiu nas naus para os Descobrimentos, o Infante D. Henrique apelou para que se fornecesse carne salgada às embarcações, de modo a que a tripulação tivesse sustento. Assim, todos os que ficaram em terra tiveram que se sustentar com as miudezas, incluindo as tripas.

HTML tutorial

Em suma, este prato conta com feijão, carnes, orelheira, mão de vaca, chouriça, tripas e salpicão. Caso queiras aprender a fazer  a receita tripas à moda do porto em casa, não podes perder o nosso artigo.

Se és fã de sushi e gostas de experimentar coisas novas em casa, vê as nossas receitas de sushi! 

As melhores francesinhas
fonte: svsc

Se não falássemos da Francesinha, certamente isso demonstraria que não éramos do Porto. Como somos, sabemos perfeitamente que este é o ex-líbris da cidade! Aliás, a Francesinha é tão ou mais conhecida no estrangeiro que a própria Invicta. Por isso é que muitos procuram a receita da Francesinha à moda do Porto para reproduzirem em casa.

De forma resumida, esta sanduíche é composta por carne de vaca, linguiça, salsicha fresca, queijo e, claro, o segredo do prato: o molho. Contudo, existem diversas variações: com carne assada, vegetariana, com frango… Porém, convém lembrar que o segredo da receita é o molho e esse é o que vai tornar a refeição agradável ou não.

Reza a lenda que esta maravilha nasceu no restaurante A Regaleira, que entretanto encerrou a sua atividade. O seu dono, Daniel David Silva, emigrante em França, inventou este prato inspirado no croque monsieur francês, uma sanduíche muito parecida com a Francesinha mas sem as carnes e o molho. Apesar do restaurante ter fechado, existem inúmeros restaurantes na Invicta que fazem este prato de forma irrepreensível.

Bacalhau à Gomes de Sá

Como a maioria dos pratos tradicionais portugueses, o Bacalhau à Gomes de Sá recebeu o nome do seu criador, José Luís Gomes de Sá Júnior. Este portuense era negociante de bacalhau, onde tinha sede na Rua do Muro dos Bacalhoeiros, na Ribeira. Vendeu a receita ao seu colega e amigo, que era cozinheiro no Restaurante Lisbonense, situado na Travessa dos Congregados.

A receita original sugere que o bacalhau seja cortado em lascas pequenas e amaciadas em leite entre 1h30m a 2h. Depois, cozinhado com azeite, alho e cebola, acompanhando-se com azeitonas pretas, salsa e ovos cozidos. Atualmente, a estes ingredientes acrescentam-se batatas cozidas.

Devido à localização, este prato é normalmente acompanhado com vinho Verde tinto ou vinho do Douro tinto.

Bolo de S. João

Embora o São João não seja o padroeiro da Invicta, é sem dúvida aquele cujas festas são mais animadas! Aliás, atrevemo-nos a dizer que um ano sem São João é como o Papa deixar de estar no Vaticano. Por isso, um dos doces típicos da cidade é o Bolo de S. João.

Este bolo é feito com farinha, açúcar, sal, margarina, ovos, frutas cristalizadas picadas, sultanas, nozes, amêndoas sem pele e depois temperado com vinho fino, conhaque, rum e leite. Embora seja muito parecido com o Bolo-Rei, muito popular no Natal, o Bolo de S. João é mais macio e apresenta um sabor irreverente devido à presença das bebidas alcoólicas.

Pão-de-ló

Embora exista a versão húmida, tradicional de Ovar, o pão-de-ló populariza-se no Porto. Este bolo fofo e leve é muito consumido nas épocas festivas, sobretudo na Páscoa. Acompanhado de um bom cálice de vinho do Porto ou de queijo da Serra no Natal, este é um dos doces mais apreciados e vendidos na Invicta.

Broa de Avintes

Podíamos falar de um doce para completar a lista, contudo, acreditamos que esta maravilha devia ter um destaque importante. Trata-se da broa de Avintes, um dos tipos de pão com maior tradição em Portugal, muitos deles associados a rezas durante a amassadura e cozedura do pão.

Este pão castanho-escuro é muito denso, possui um sabor distinto e intenso (agridoce), em que se usa farinha de milho e trigo. Vai a cozer entre 5 a 6 horas ao forno e é polvilhado com farinha. Diferente da broa de milho tradicional, este pão é um pouco húmido, o que o torna ainda mais apetecível.

Embora esta broa seja feita fora da freguesia, aconselhamos-te a comprares aquela que é mesmo feita em Avintes. Afinal, quem sabe, sabe, não é verdade?

Estes são apenas alguns dos muitos pratos típicos do Porto que podes experimentar durante a tua visita. Porém, temos a certeza que, assim que experimentares, vais adorar!

Já tens um restaurante de sushi pela zona do Porto, agora tens ideias para despedidas de solteiro.

FAQ's

Quais são os pratos mais típicos do porto?
Deves ler o nosso artigo. Temos 6 pratos tipicos da invicta com direito a receitas em alguns dos casos. 

Qual é o melhor prato tipico do porto? 
Pergunta dificil que não te vamos conseguir responder, até porque, vai depender dos gostos de cada 1 , e tivemos o cuidado de responder a esta pergunta no nosso artigo com vários pratos diferentes.