São João Porto – Festa popular, evento e tradição

s.joao porto festa popular

Considerada uma das festas mais populares do país, sobretudo a Norte, o São João do Porto é parte da identidade da cidade. Aliás, muito mais do que a comida típica da cidade, a Invicta é muito conhecida por esta grande celebração.

Muito mais do que uma celebração popular, o São João marca a noite mais longa do Porto. Porquê? Porque as festividades começam na noite de 23 de junho e prolongam-se pela noite de 24. Aliás, não têm hora para terminar, é enquanto houver força e energia. Isto porque existem diversos espaços que prolongam o seu funcionamento. Além disso, Câmara Municipal costuma promover algumas iniciativas como concertos para animar esta noite.

Se por acaso nunca foste ao São do Porto e queres saber do que se trata, então estás no local certo. Acredita, muito mais do que tradição, existem curiosidades sobre estas celebrações que grande parte das pessoas desconhece, inclusive os próprios portuenses!

Queres saber mais sobre esta grande festa nortenha? Só tens que continuar a ler!

Origem e história do São João

Apesar de poucos saberem, esta é, oficialmente, uma festividade católica para celebrar o nascimento de São João Batista. Contudo, ela teve origem numa festa pagã. Vamos recuar um bocadinho no tempo?

HTML tutorial

Outrora, o solstício de verão e a fertilidade eram motivos para festejar, tal como as colheitas e a abundância. Como resultado, os pagãos celebravam esses acontecimentos. Ora acontece que a Igreja, à semelhança do que fez com outras festas pagãs como o Carnaval, cristianizou o São João, dando-lhe como padroeiro o santo com o mesmo nome.

Embora não se conheça a antiguidade desta festa, crê-se que tenha surgido antes do século XIV. Tal acontece devido aos registos que existem e dão conta que esta festa já se realizava no Porto durante esse século.

O responsável pelos registos foi Fernão Lopes, que estava na Invicta na véspera de São João enquanto se preparava para visitar o rei. Nas suas crónicas descreveu esse o dia como o dia em que as gentes do Porto faziam uma grande festa. 

Tradições de São João

Tal como seria de esperar, o São João do Porto foi sofrendo alterações com o passar dos tempos. Contudo, existem tradições que prevaleceram e que compõem esta grande noite portuense. Por isso, previne-te e aprende a andar no metro do Porto, vai-te fazer muito jeito!

Falando de tradição, deves conhecer as caves de vinho do porto, e provar os melhores vinhos e programas da cidade do porto

Alho-porro e ramos de cidreira

Certamente que já viste em diversas imagens os alhos-porros em ação. Mas será que sabes o porquê? Nós explicamos-te: dado que esta é uma festa de origem pagã, o alho-porro eram símbolo da fertilidade masculina. Por isso, eram usados pelos homens para acertarem nas cabeças de outros que passassem como forma de “bênção”.

Do mesmo modo os ramos de cidreira e limonete eram usados nesta festa, desta vez pelas mulheres. Porquê? Porque eram símbolo dos pelos púbicos femininos.

Martelos de plástico

Mais tarde surgiram estes substitutos ao alho-porro mas que tem a mesma finalidade: bater na cabeça das pessoas. Bastante coloridos, os martelos de plástico fazem um barulho estridente quando se bate com eles, mostrando assim que celebrar é também sinónimo de fazer barulho.

Lançamento de balões de ar quente

Esta tradição baseia-se no culto pagão ao sol e à luz, em que se realizavam fogueiras. Com o passar dos anos, foi-se adaptando a tradição e surgiram os balões de ar quente. Contudo, e como forma de evitar incêndios, esta é uma prática proibida pelas autoridades.

Cascatas Sanjoaninas

Apesar de terem caído em desuso, ainda há que preste homenagem a São João criando uma espécie de presépio animado. Nele constam pequenas esculturas que representam as diferentes artes, ofícios e arquitetura da Invicta.

Fogo-de-artifício

Por último, falamos daquela que é a estrela da noite de São João no Porto: o fogo-de-artifício. Assim que for meia-noite, este espetáculo pirotécnico dura cerca de 15 minutos e acontece perto do rio Douro, na zona da Ribeira.

O que se come no São João do Porto?

Eu sei que existem restaurantes que fazem boas francesinhas, mas nesta grande noite existem outros belos petiscos para provares.

O caldo verde, a sardinha e os pimentos assados na brasa, tudo acompanhado ou não com broa, é o clássico trio que não pode faltar na noite de 23 de junho. Contudo, existem outros pratos como carnes grelhadas na brasa ou o tradicional cabrito assado.

Para acabar de vez com as dúvidas...

O São João é ou não o santo padroeiro do Porto? Bom, a resposta vai-te surpreender.

Embora tenha um grande destaque na cidade, sendo, inclusive, o santo mais celebrado da Invicta, o São João não é o santo padroeiro da cidade. Aliás, a Invicta tem é uma santa padroeira. Sabes quem é? Adivinha: Nossa Senhora da Vandoma, que dá o nome a uma feira que se realiza na cidade, a Feira da Vandoma.

Esta festa só se celebra na Invicta?

Embora o mais conhecido seja o São João do Porto, a verdade é que existem outras localidades a celebrá-lo, e não são só a Norte. Por exemplo, Almada, Angra do Heroísmo, Braga, Tavira e Alcácer do Sal celebram também as festas deste santo.

Quando é celebrado o São João do Porto?

Tal como te dissemos, o São João do Porto realiza-se de 23 para 24 de junho. 

Já conhecias a história do São João do Porto?

 

Os melhores restaurantes do porto para comer carne. Fica com a nossa lista abaixo: 

Ideias para aproveitar o São João do Porto

Agora que já conheces as origens e as tradições desta festa tão popular na Invicta, está na altura de saberes como aproveitá-la da melhor forma antes de chegar a grande noite.

Acredites ou não, tens muito para fazer na Invicta. Por isso, prepara-te pois o dia vai ser longo (e a noite ainda mais)!

Visitar os mercados do Porto

Se planeares fazer o São João no conforto do lar, não te podem faltar os melhores ingredientes para uma grande noite. Por isso, o melhor local para os adquirir são os mercados da Invicta. Apesar de alguns mais tradicionais que outros, têm todos algo em comum: qualidade.

Caso planeies celebrar esta festa fora de casa, visita na mesma os mercados. Para quê? Para comprares o alho-porro!

Ir às tasquinhas do Porto

Já se sabe que o Porto está repleto de bons restaurantes que servem boa comida. Porém, num dia tão importante para a cidade, porque não visitar locais mais tradicionais?

Uma prática que caiu em desuso mas que rapidamente se reergueu é as idas às tascas tradicionais. Entre as mais tradicionais e as mais modernas, haverá sempre uma que te irá agradar. Assim sendo, aproveita o São João para ires a uma.

Passear pelos locais emblemáticos do Porto

Caso o tempo permita, podes sempre optar por caminhar pelos locais mais emblemáticos do Porto. Além de serem gratuitos, consegues conhecê-los melhor e aproveitar o ar livre. Podes ir mais longe e visitar os locais onde pensas passar o São João do Porto durante o dia para perceberes que caminhos alternativos existem ao teu dispor para regressares a casa. Sim, porque sair do meio da multidão é um grande desafio!

Um itinerário que recomendamos vivamente é aquele que começa na Avenida dos Aliados, considerada a sala de visitas da Invicta, e a Ribeira, onde decorrem grande parte das celebrações desta festa popular. 

Ver o pôr-do-sol num dos spots da Invicta

Se gostas de algo mais calmo, então experimenta passar o fim do dia a ver o pôr-do-sol no Porto. Entre locais gratuitos, cafés e restaurantes, existem espaços em que verás este magnífico fenómeno da natureza de diversas perspetivas, todas elas incríveis e imperdíveis.

Aproveitamos ainda para te dar uma sugestão: se planeias passar o São João num local onde possas ver o espetáculo pirotécnico, reserva um local onde possas passar o fim de tarde e o jantar. Assim escusas de andar de um lado para o outro!

FAQ's

Quando é o São João do Porto?
O S.João é celebrado de dia 23 para 24 de junho.

O que deve saber para o S.João do Porto?  
Tudo o que podes encontrar neste artigo, desde a origem, a tradição, comida típica, celebrações e ideias para festejares.